Portal Pinzón | O seu portal de Pernambuco

Pernambuco - Brasil

Domingo, 28 de Maio 2017.



COLUNISTAS

Paiva Netto EscrevePaiva Netto

18/07/2014 11:29:49

Agenda global pós-2015

Encerrou-se na sexta-feira (11/7), na Sede da ONU, em Nova York, a Reunião de Alto Nível (High-Level Segment) promovida pelo Conselho Econômico e Social das Nações Unidas (Ecosoc/ONU).
O encontro foi pautado pelo debate dos desafios em curso e os emergentes para alcançar os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM) em 2015 e para sustentar os ganhos de progresso no futuro. Em pronunciamento, o embaixador Martin Sajdik, presidente do Ecosoc, destacou: "Estamos nos preparando para a reta final dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio".
Em uma edição especial da revista "Boa Vontade - Desenvolvimento Sustentável/2014", em português, inglês, francês e espanhol, compartilhada com todas as autoridades participantes, declaro que ao longo das eras o estudo do Direito foi sendo aperfeiçoado, a fim de dar garantias cada vez mais sólidas à sociedade. O século 20, por exemplo, nos legou um imenso aprendizado por meio de sucessivas conquistas civis diante das maiores dificuldades enfrentadas pelas populações.
Em face de inúmeros episódios registrados pelos tempos, podemos concluir que o ser humano necessita do pão da liberdade. Contudo, não haverá verdadeira liberdade se esta não for iluminada pelo sentimento fraterno e solidário. O restante corre o risco do caos, e a História está repleta de exemplos para comprovar essa realidade. Rendamos, portanto, homenagens a tantos ativistas que, ao longo da História, almejaram liberdade e condições dignas de vida, em especial as mulheres batalhadoras. Elas diariamente empenham a própria existência no amparo aos seus filhos, sejam eles biológicos, adotivos ou, como costumo dizer, filhos que se traduzem em grandes realizações em benefício da Humanidade. Todas as mulheres são mães.
Uma dessas brilhantes mulheres foi a médica pediatra, sanitarista brasileira e fundadora da Pastoral da Criança, dra. Zilda Arns (1934-2010), que disse: "O trabalho social precisa de mobilização das forças. Cada um colabora com aquilo que sabe fazer ou com o que tem para oferecer. Deste modo, fortalece-se o tecido que sustenta a ação, e cada um sente que é uma célula de transformação do país".
Exato! Por isso, tenho sempre defendido, igualmente na ONU, a conciliação universal de todo o conhecimento humano e espiritual, numa poderosa força a serviço dos povos.
A Legião da Boa Vontade (LBV), que tem status consultivo geral no Ecosoc, levou suas recomendações de boas práticas socioeducacionais a esse High-Level Segment, cujo propósito é colaborar na criação de uma nova agenda global pós-2015. Durante os debates ocorridos na segunda-feira, dia 7 de julho, a LBV foi convidada a fazer seu pronunciamento oficial às autoridades internacionais presentes, com transmissão ao vivo pela Rádio e TV ONU para todo o mundo.
Além de expor sua experiência de trabalho no Brasil desde 1950, a LBV apresentou o resultado dos eventos que realizou em 2013 com vários setores da sociedade latino-americana, no Uruguai, na Argentina, no Paraguai e na Bolívia.

José de Paiva Netto - Jornalista, radialista e escritor.
paivanetto@lbv.org.br - www.boavontade.com

Paiva Netto


© 2000 - 2013. pinzon.com.br | Todos os direitos reservados.

by nuvon | www.nuvon.com.br