Nova fase da operação Pernambuco pela Prevenção, leva mais 10 mil refeições

0
Montagem das refeições prontas, preparadas na cozinha do Sesc Riomar. (Foto de Marina Paiva/ SPVD).

Sesc no Riomar vai produzir diariamente 1 mil refeições para serem distribuídas pelo Armazém do Campo, e coletivos que trabalham junto às pessoas em situação de rua

Nesta segunda-feira (dia 12), teve início a segunda fase da Operação Pernambuco pela Prevenção com a participação do Sesc Pernambuco, unidade Riomar, na produção, montagem e embalagem de 1 mil refeições prontas todos os dias, até o dia 21, totalizando 10 mil refeições a serem entregues. A distribuição será feita no Armazém do Campo e com o apoio de organizações da sociedade civil, diretamente para pessoas em situação de rua e comunidades sob vulnerabilidade social.

A primeira fase da Operação Pernambuco pela Prevenção teve a produção de 10 mil refeições no Senac, em Santo Amaro. Começou no dia 1º e seguiu até o dia 11. Tanto no Sesc como no Senac, a produção das refeições é feita equilíbrio nutricional e rigor sanitário. A Operação só é possível por causa da união do Governo do Estado, instituições da sociedade civil e iniciativa privada. Parte dos alimentos foi doada pela avícola Nato, pelo frigorífico Masterboi e empresários que pediram anonimato.

O secretário de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas, Cloves Benevides, considera a fundamental a participação do Sesc e o apoio de empresários e sociedade civil, principalmente em razão da pandemia, que tanto prejudica. “O Pernambuco pela Prevenção é uma resposta de todos os evolvidos, para um momento crítico, inesperado e desafiador imposto a todos por um vírus”, disse Cloves Benevides.

O presidente do Sistema Fecomércio/Sesc/Senac, Bernardo Peixoto, considera importante a chance de continuar a participar desta operação. “Nossa equipe é engajada e temos estrutura para produzir as refeições com qualidade e pontualidade”, afirma.

MÁSCARAS – Além da entrega de quentinhas, o Pernambuco pela Prevenção também distribui máscaras de proteção, álcool em gel e informações nos terminais de passageiros da Região Metropolitana. Desde o dia 1º, foram visitados os terminais de Macaxeira, Caxangá, CDU, Barro, Cais de Santa Rita, Afogados, Camaragibe, Abreu e Lima, Igarassu e Pelópidas. Nos 25 terminais metropolitanos, foram distribuídas 102.250 máscaras.

Desde o início de março, a Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas distribui máscaras de proteção, álcool em gel, também, em municípios do interior, no dia de feira livres, em todo o entorno do comércio. As feiras representam um dia de comércio essencial e popular. Em março e abril, 76 mil máscaras foram distribuídas nestas ações.

PROTEÇÃO – O enfrentamento aos efeitos da pandemia na Secretaria de Políticas de Prevenção à Violência e às Drogas começou há um ano. As ações foram às ruas como forma de reduzir os impactos da pandemia junto à população mais vulnerável. Entre as medidas executadas, foram instalados pontos com lavabo e com estrutura para banho, distribuídos itens de alimentação balanceados, itens de higiene pessoal e de limpeza doméstica, além de cestas básicas junto às famílias vulneráveis, nas comunidades da Região Metropolitana, Mata, Agreste e Sertão.

A secretaria também modificou protocolos das ações dos programas Governo Presente e Atitude, de forma a aumentar o rigor com medidas de segurança sanitária junto aos usuários e servidores envolvidos nas atividades.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here