Semana terá 76 novas vagas em cursos, para qualificar socioeducandos da Funase

0
Foto: Arquivo/Funase

Atividades profissionalizantes ocorrerão em Vitória de Santo Antão, no Cabo de Santo Agostinho e em Garanhuns

Adolescentes em internação pela prática de atos infracionais em Pernambuco contarão com uma programação de cursos reforçada a partir desta terça-feira (2). Ao todo, 76 vagas serão ofertadas para a qualificação profissional desse público em três municípios do Estado, dentro de unidades da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ). O maior volume será registrado em Vitória de Santo Antão, onde serão ofertadas 56 vagas.

Os internos do Centro de Atendimento Socioeducativo (Case) do distrito de Pacas, na zona rural do município, terão aulas de Introdução ao Reparo de Computadores (16 vagas), de Eletrônica Básica (20) e de Corte de Cabelo Masculino (16) em laboratórios localizados no interior da Funase. Já o curso de Horticultura Orgânica, para quatro alunos, ocorrerá na horta instalada na parte externa da unidade. As turmas terão início entre terça e sexta (5), com observância às medidas de prevenção ao novo coronavírus.

Outro grande volume de socioeducandos inseridos em cursos será registrado no Case Cabo de Santo Agostinho, maior unidade da Funase. A partir de quinta (4), 16 jovens se dividirão em turmas de Corte de Cabelo Masculino. Já no Case/Cenip Garanhuns, as aulas começam nesta terça para quatro alunos de turmas de Introdução à Automação Eletroeletrônica e de Informática Básica. Todos os cursos ofertados nas três unidades da Funase serão certificados pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE).

O coordenador do Eixo Profissionalização da Funase, Normando de Albuquerque, explica que a oferta dos cursos compõe um planejamento feito para atender demandas específicas de cada região. “Essa oferta é só o início da execução do nosso plano de atendimento às unidades. O plano foi concluído no final de janeiro e já estamos executando. Em fevereiro, estamos trabalhando junto aos gestores locais para continuar com a oferta de cursos ministrados pelos agentes socioeducativos, ao mesmo tempo em que estamos na retomada das articulações com parceiros externos para garantir o atendimento de outras unidades”, afirma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here