Governo do Estado anuncia repasses para manutenção dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS)

0
Crédito: SDSCJ/Divulgação

Os investimentos seguem para as cidades de Carnaubeira da Penha,  Belém de São Francisco, Itacuruba, Petrolândia, Tacaratu, Floresta e Jatobá

O Governo do Estado realizou mais uma rodada de anúncios de repasses de recursos para os equipamentos da Assistência Social. Dessa vez, o governador Paulo Câmara e o secretário executivo de Assistência Social, da Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Joelson Rodrigues, seguem para as cidades do Sertão do Itaparica para assinar as autorizações de transferências de recursos para a manutenção dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) nas cidades de Carnaubeira da Penha,  Belém de São Francisco, Itacuruba, Petrolândia, Tacaratu, Floresta e Jatobá, esta última que também recebe recursos para instalação do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). Os anúncios aconteceram na última quinta-feira (30) e nesta sexta-feira (1º).

O valor varia de acordo com a cidade e vai de R$10.000,00 a R$ 32.500,00. O repasse soma mais de R$200 mil e será feito através do Cofinanciamento Fundo a Fundo. O secretário da SDSCJ, Sileno Guedes, pontua que os CRAS são a porta de entrada da população para o acesso aos serviços da proteção social básica do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). “São equipamentos importantes para a população em geral, sobretudo para os mais vulneráveis. Garantir que esses serviços estejam funcionando é assegurar que os direitos dessas pessoas sejam respeitados”, pontua Sileno.

Outros investimentos – Nas cidades, foram anunciados também a oferta de oficinas profissionalizantes destinadas às pessoas em situação de vulnerabilidade acompanhadas pela Assistência Social do município. Com duração de 180 horas e ministradas de forma presencial no próprio município, terão temáticas definidas em conjunto com a administração local.

A iniciativa faz parte do Programa Vida Nova e tem como objetivo ampliar o acesso da população que vive em situação de vulnerabilidade aos serviços ofertados pelas diversas políticas públicas e ao Sistema de Garantia de Direitos, além de fortalecer, prevenir e garantir o enfrentamento às situações de vulnerabilidade social e violação de direitos.

Floresta e Carnaubeira da Penha também recebem investimentos para o custeio de benefício eventual, concedido a população que necessitar, em virtude de nascimento, óbito, vulnerabilidade temporária ou calamidade pública.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here