HC é a única instituição pública de Pernambuco a realizar procedimento que detecta a toxoplasmose em fetos

0

Muitas vezes, a doença não apresenta sintomas, mas pode ser transmitida para o feto

O Hospital das Clínicas da UFPE é o único de Pernambuco a realizar gratuitamente a amniocentese para diagnosticar a toxoplasmose em fetos, doença que pode causar uma série de complicações no bebê como surdez, cegueira, atraso no desenvolvimento neuropsicomotor e até a morte. A amniocentese é um procedimento de retirada do líquido amniótico para análise laboratorial. O HC é unidade vinculada à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh).

Durante o pré-natal, a gestante realiza uma série de exames – entre eles, a sorologia para detecção de toxoplasmose, medida importante já que, muitas vezes, a doença não apresenta sintomas, mas pode ser transmitida para o feto.

“Quando a mãe é diagnosticada com toxoplasmose, realizamos o procedimento que retira o líquido amniótico para análise laboratorial. Se detectado o protozoário da doença no líquido, prescrevemos medicação em esquema tríplice para tratá-lo”, explica a médica obstetra e ginecologista Emanuelle Honorato, que também é preceptora da Residência de Medicina Fetal do HC, um dos dois hospitais do Estado a possuir essa especialização.

O procedimento é realizado na sala de ultrassonografia e não apresenta riscos significativos para a gestante nem para o feto. “Quanto mais rápido for detectada a doença, melhor para a eficácia do tratamento evitando o acometimento fetal. As mães saem felizes com o tratamento e nós também que realizamos a assistência e treinamos nossos médicos residentes”, completa a médica Emanuelle Honorato.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here