Prefeitura do Recife chega a 388 leitos para covid-19, com abertura de 10 novas UTIs no HMR

0
Foto: Daniel Tavares/PCR

Prefeito João Campos fez o anúncio da ampliação da rede de assistência municipal, que passa a contar com 222 leitos de UTI

O prefeito João Campos anunciou, na manhã desta segunda-feira (29), reforço na rede municipal de assistência à saúde para pacientes com covid-19, com a abertura de mais 10 leitos de terapia intensiva no Hospital da Mulher do Recife (HMR) Dra. Mercês Pontes Cunha. Agora, a capital pernambucana conta com 388 leitos – sendo 222 UTIs – para tratar pessoas com síndrome respiratória aguda grave.

“Estamos aqui no Hospital da Mulher para anunciar a abertura de mais dez novos leitos de UTI. Só aqui já são 20 dedicados exclusivamente à Covid-19. Na rede do Recife são 388 leitos específicos para a Covid-19, sendo 222 de UTI. Nosso esforço é diário: abertura de leitos de UTI, sala vermelha, sala de observação e enfermaria para garantir o atendimento ao recifense. E a gente também está fazendo uma vacinação cada vez mais rápida e intensa para superar a pandemia”, ressaltou João Campos. “Agora, sua participação é fundamental, fazendo o distanciamento social, tomando todos os cuidados necessários para a gente poder vencer, superar esta segunda onda e com a vacina a todo pique conseguir imunizar a nossa população”, acrescentou o prefeito.

Na semana passada, o prefeito anunciou a ativação de 20 leitos no HMR, dos quais dez são de tratamento intensivo e dez de enfermaria. Até o final deste mês, a unidade ainda terá mais dez leitos de UTI, totalizando 40, sendo 30 de terapia intensiva e dez de enfermaria.

O HMR teve de readequar os atendimentos e a estrutura física para receber os pacientes com síndrome respiratória aguda grave (srag), de forma que a área covid fique separada dos outros setores do hospital. Alguns serviços de ambulatório continuam funcionando, como Pré-Natal de Alto Risco, Planejamento Familiar, Psiquiatria, Ambulatório de Cirurgia (pré e pós operatório) e egressos.

Os setores de Emergência (que atende gestantes e urgências ginecológicas), Maternidade e o Centro de Imagem também seguem recebendo pacientes normalmente. Além disso, o hospital precisou contratar 225 profissionais, entre eles enfermeiros, médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos e maqueiros.

LEITOS – Atualmente, a rede de assistência da Prefeitura do Recife conta com 388 leitos, incluindo os anunciados hoje. Desse total, 222 leitos são de UTI e estão distribuídos no Hospital Provisório Recife 1 (Aurora), Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa, Hospital Evangélico e Hospital da Mulher do Recife; dez de sala vermelha nas policlínicas Amaury Coutinho, Agamenon Magalhães, Arnaldo Marques e Barros Lima, e no Hospital Helena Moura; e outros 156 leitos clínicos localizados nos Hospitais Provisório, Evangélico, Mulher, Helena Moura e policlínicas municipais.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here