RECIFE: Vereador Rinaldo Junior (PSB), pede a volta da meia passagem de ônibus aos domingos

0

Durante sessão ordinária na Câmara Municipal na manhã desta segunda-feira (7), o vereador Rinaldo Junior (PSB) levantou a bandeira pela volta da meia passagem de ônibus aos domingos 

O início da meia passagem aos domingos nos ônibus que circulam pelo Recife e Região Metropolitana ocorreu em 26 de março de 2017, sendo restrita aos passageiros que utilizam o cartão VEM Comum. A medida do Grande Recife Consórcio de Transporte foi publicada no Diário Oficial do dia 18/03/2017. Porém, com a pandemia da Covid-19 houve a suspensão da medida no dia 24 de maio de 2020, devido à quarentena mais rígida adotada em cinco cidades da Região Metropolitana do Recife, quando o benefício foi SUSPENSO TEMPORARIAMENTE. A decisão foi tomada em ad referendum pelo presidente do Conselho Superior de Transporte Metropolitano (CSTM), o secretário de Desenvolvimento Urbano e Habitação Marcelo Bruto, visando contribuir com as ações de isolamento social para que só saiam de casas os profissionais de serviços essenciais. A medida deixou 30 a 40% dos usuários sem este benefício aos Domingos. São 710 mil pernambucanos que se deslocam todos os dias, pelo Grande Recife, e um percentual de 30 a 40 % utilizam aos domingos, para trabalho, lazer e passeio com a família.

“Eu subo à tribuna desta Casa hoje para pedir o retorno da meia passagem aos domingos. Já passou da hora do Consórcio Grande Recife e das empresas de ônibus tomarem essa medida. Trata-se de um direito que foi retirado do trabalhador para o seu laser e de seus familiares. Entendemos a decisão na época, no auge da pandemia, porém, acabamos de receber a informação da alta queda nos números da pandemia, graças a Deus, e precisamos olhar para esses trabalhadores que tanto foram sacrificados na pandemia. E tudo isso que estamos falando aqui é baseado nos números da 8ª Semana Epidemiológica, que consolidam o cenário de redução de todos os indicadores da Covid-19 em Pernambuco. De acordo com os dados, a positividade geral das amostras analisadas no Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), que oscilou entre 52% e 47% entre a última semana de janeiro e a primeira de fevereiro, está atualmente em 9,5%. Isso graças à vacinação, aos reforços no sistema de saúde e às medidas de cuidado adotadas pelo pode público, que conseguiram trazer uma boa situação para o nosso Estado e capital.  Por isso, com todas as notícias boas sobre o enfrentamento à Covid-19, estamos aqui para solicitar, com muita responsabilidade, que é necessário a volta da meia passagem de ônibus aos Domingo. Portanto, peço aos vereadores desta casa para que façamos juntos essa pressão para o retorno da meia passagem aos domingos”  ressaltou o vereador Rinaldo Junior.

PORQUE MEIA PASSAGEM AOS DOMINGOS?

·         Declínio de casos nas últimas três semanas;

·         Flexibilização de outros setores;

·         Menor número de usuários aos Domingos;

·         Importante para estimular comercio do Recife;

·         Para ajudar os usuários que enfrentam não só a pandemia, mas também a crise econômica;

·         Proporcionar o lazer aos trabalhadores e seus familiares.

OBS IMPORTANTE: No aumento das passagens, foi garantido o aumento da frota para no mínimo 95% e depois 100%. Por isso só fortalece a necessidade da volta da meia passagem aos domingos.

DECRETO

Com a redução nos números da Covid-19, o Governo do Estado liberou novas flexibilizações para atividades em setores econômicos e sociais, onde o último decreto Nº 52.354, de 01/03/2022, altera o Decreto nº 51.749, de 29 de outubro de 2021, que dispõe sobre o retorno das atividades sociais, econômicas e esportivas, que sofreram restrição em face da emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do novo coronavírus.

Até o dia 15 de março está autorizada a realização:

·         De eventos sociais para até 3 mil pessoas em ambientes abertos e até 1,5 mil pessoas em locais fechados.

·         De até 70% da capacidade do local em ambos os ambientes. Para museus, teatros e circos estão liberadas até 1,5 mil pessoas.

·         Os jogos de futebol se assemelham às regras de lugares abertos, ou seja, até 3 mil pessoas.

·         Os eventos corporativos também podem acontecer para até 3 mil pessoas.

Importante reforçar que: “Continua sendo obrigatória a apresentação do comprovante de vacinação. Nos casos de eventos para mais de 500 pessoas, é necessário apresentar teste negativo de Covid-19.”

Vale reforçar ainda que Pernambuco é o segundo estado com a menor taxa de mortalidade por Covid-19, segundo OPAS/OMS e que o Estado registra a segunda menor taxa de mortalidade pela doença no início deste ano, com 6,1 mortes a cada 100 mil habitantes. Os dados, colhidos até o dia 24 de fevereiro, mostram que a média do Estado é 55% menor que a média brasileira (13,5).

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here