Teatro do Parque recebe trabalhadores em primeira apresentação cultural após restauro

0
Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

Prefeito Geraldo Julio confraternizou com os responsáveis por tornar realidade o gigantesco trabalho de recuperação do Parque, que assistiram a uma apresentação de alunos da Escola de Frevo do Recife. A casa de espetáculos terá uma programação especial de reabertura nesta sexta-feira (11) e sábado (12)

O passado e o futuro dividem espaço no Teatro do Parque, que volta à cena cultural da cidade, após uma grandiosa intervenção realizada pela Prefeitura do Recife. Nesta quinta-feira (10), o prefeito Geraldo Julio e a primeira-dama Cristina Mello reuniram as trabalhadoras e trabalhadores que fizeram parte do processo de restauro e requalificação do Teatro do Parque para uma apresentação cultural em agradecimento aos serviços prestados para a devolução do Parque ao Recife, com seu projeto arquitetônico de 1929 preservado. A programação especial para a reabertura acontece ainda nesta sexta-feira (11) e sábado (12).

Foto: Andréa Rêgo Barros/PCR

Durante o encontro, realizado respeitando as regras de distanciamento social, o prefeito Geraldo Julio manifestou a sua alegria e gratidão pelo trabalho realizado no local. “Quero agradecer a todas e todos vocês fizeram isso aqui se tornar realidade. Os artistas vêm aqui e se apresentam no palco, mas precisamos também agradecer a outros artistas de verdade, que são vocês que nos entregaram essa obra de arte”, disse o prefeito.

Um vídeo em homenagem aos trabalhares que participaram do processo de restauração foi projetado na tela do cine teatro. Logo em seguida, numa celebração simbólica, alunos da Escola de Frevo subiram ao palco do teatro ao som de genuínos ritmos pernambucanos, num espetáculo de dança que encantou o público presente.

“Eu vou falar por um milhão e seiscentos mil recifenses, e quero que vocês levem para casa o nosso muito obrigado, levem a gratidão. Vocês se dedicaram, fizeram com amor, esforço, suor e jamais chegaríamos aqui e participar de uma apresentação linda como a de hoje se não fosse o empenho de todas e todos que estão aqui”, agradeceu o prefeito.

O mestre de obras Antônio Macionilo, 57 anos, falou da emoção de chegar e encontrar o Teatro do Parque funcionando. “Sou mestre de obras há 20 anos, mas essa reforma me emociona e me enche de orgulho por resgatar um pedaço da história da minha cidade. Eu me emociono porque me dediquei muito, por ver um sonho realizado”, disse.

Para a auxiliar técnica de restauro, Fabiana Santos, a alegria de encontrar o equipamento pronto para receber o público foi grande. “Cada detalhe desse teatro tem nossas mãos e coração. Hoje, chegar e me deparar com essa linda Faixada e encontrar o teatro funcionando foi surpreendente e emocionante. Que a população possa se divertir e emocionar mais e mais aqui dentro”, pontuou.

PROGRAMAÇÃO – A programação de reabertura da sexta-feira (11) contará com o espetáculo Vozes do Recife, da Companhia Fiandeiros de Teatro, às 19h, só para convidados. Já no sábado (12), terá a exibição do filme O Canto do Mar, de 1952, do diretor Alberto Cavalcanti, às 17h, com distribuição dos ingressos (limitados para 50 pessoas) será a partir das 15h, na bilheteria do Parque.

RESTAURO – A intervenção realizada pela Prefeitura do Recife no equipamento histórico combinou obras civis com um delicado trabalho de restauro de toda a estrutura predial, bem como de elementos decorativos, para devolver as características do projeto arquitetônico original de 1929 à casa de espetáculos, que se sagrou unanimidade entre públicos de todos os estilos e preferências estéticas, idades e perfis socioeconômicos. Do ponto de vista técnico, o Parque está alçado à condição de uma das mais bem equipadas casas de espetáculo da capital pernambucana, com maquinário cênico de última geração, climatizado, com acessibilidade para pessoas com dificuldade de locomoção ou deficiência, câmeras, sistema e cortina de prevenção contra incêndio.

VISITAS – A partir da próxima segunda-feira (14) até o final de dezembro, o Parque está de portas abertas para todos os recifenses, com expedientes de visitação de segunda a quarta, das 9h às 12h, para quem quiser entrar e conhecer as novas instalações da casa. Os grupos não poderão exceder 10 pessoas, com intervalo mínimo de 30 minutos entre um grupo e outro. O uso da máscara será obrigatório.

Programação de abertura do Teatro do Parque

Sexta-feira (11)
Horário: 18h
Falas oficiais, seguidas da apresentação do espetáculo Vozes do Recife, da Companhia Fiandeiros de Teatro
Público: 100 pessoas (convidados)

Sábado (12)
Horário: 16h
Exibição de cópia telecinada e digitalizada do filme O Canto do Mar, de 1952, do diretor Alberto Cavalcanti
Público: 100 pessoas, entre convidados (50) e público espontâneo (50). A distribuição dos ingressos será a partir das 15h, na bilheteria do Parque

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here