Prefeitura do Recife implanta nova iluminação LED em campo de várzea no Alto do Rosário

0
FOTO: Antônio Tenório / PCR

Através do Campo no Brilho, gestão chega ao 102º espaço com novo sistema de iluminação na cidade. Local recebeu 18 projetores LED  e investimento de R$ 26 mil

Do perigoso breu à segurança que a luz proporciona. Com a nova iluminação de LED, o Campo do Alto do Rosário, no bairro do Passarinho, Zona Norte do Recife, agora é o 102º campo de futebol de várzea da cidade em que crianças e adolescentes podem trilhar o sonho dos esportes; e adultos podem desenvolver atividades de lazer e promoção de saúde, por conta das intervenções que fazem parte do projeto Campo no Brilho. Na noite desta segunda-feira (18), a Prefeitura do Recife entregou o sistema, que conta com 18 projetores LED de 240 W e investimento total de R$ R$ 26.631,00. O prefeito em exercício do Recife, Romerinho Jatobá, vistoriou a intervenção.

Aqui no campo do Alto do Rosário, em Passarinho, foi implantado mais um projeto do Campo no Brilho. Esse já é o 102º campo que recebe nova iluminação na cidade. Quando se investe em campo de várzea, está se investindo em cidadania, esporte e lazer. O esporte, em geral, é um dos futuros da criançada. Como a gente vê aqui, várias crianças aproveitando esse momento de lazer, com o apoio de pessoas que se dedicam a treiná-las e ocupar o tempo para livrá-las de caminhos que não sejam os bons caminhos. Então, o prefeito João Campos acerta com esse projeto e a gente faz questão de estar aqui de perto, presenciando a implantação de mais um Campo no Brilho”, declarou o prefeito em exercício, Romerinho Jatobá.

A instalação de refletores em LED já foi concluída em outros espaços, dentre os quais podemos destacar  os campos do Matarazzo (Coelhos); do Barro (Coque); da Compesa (Alto do Pascoal – Água Fria); de Chão de Estrelas (Campina do Barreto); Campo do Futuro (Córrego da Fortuna – Dois Irmãos);  do Alto do Eucalipto;- Campo do Caxangá (Várzea); Chico Mendes (Caçote); da Vila das Crianças (Ibura); do Hospital da Mulher (Vietnã); do Residencial Via Mangue (Imbiribeira); e da Vila Arraes (Várzea).

Kaique da Silva, 4 anos, quer ser jogador de futebol. Para incentivar o sonho do filho, Tiago Henrique da Silva, 30 anos, inscreveu ele na escolinha de futebol comunitária há pouco mais de mês, no turno da noite. Horário em que ele pode trazer o filho, depois da rotina de trabalho . “Ficou maravilhosa essa iluminação. Era muito escuro aqui, de noite aqui não tinha ninguém. Agora que iluminou, ficou perfeito. Assim que eu soube que ia ter jogo à noite, eu trouxe ele. Estamos três  vezes por semana aqui”, contou.

Kaique é uma das 250 crianças que participam de projeto comunitário gratuito no Campo do Alto do Rosário, coordenado pelo professor Reginaldo Pedro da Silva, 46 anos. Depois que a nova iluminação foi instalada, o projeto foi ampliado para mais um turno, o da noite.”Comecei aqui aos nove anos de idade. Hoje posso ajudar essas crianças. Com essa iluminação, tem mais benefício ainda. Aqui tem 250 crianças, em três turnos: manhã, tarde e noite. Mas esse último turno só começou depois que botaram a iluminação. Antes era precário demais. Só dava para dar aula de manhã”, compartilhou.

O projeto Campo no Brilho tem como objetivo prover uma iluminação de qualidade para a prática de esportes, em especial o futebol de várzea, contribuindo significativamente para o desenvolvimento da cidadania, fomento à prática de esportes e ocupação das áreas de lazer na cidade do Recife, a intervenção também será responsável por uma redução do consumo energético da ordem de 5,26 GWh/ano o que proporcionará uma redução de R$ 2.304.198,91 com os custos de consumo de energia elétrica por ano.

Morando em frente ao Campo do Alto do Rosário há 35 anos, o casal Gilson Xavier, 65 anos, e Lucicreide de Oliveira, 53 anos, só vê benefícios desde que a iluminação foi instalada. “É ótima essa iluminação, porque tem sempre gente jogando aqui. Para quem sai cedo ou chega tarde, já é uma movimentação. Até eu comecei a caminhar nos dias de folga”, disse a cuidadora de idosos. Além de iluminar, trouxe mais segurança para a área e valorização do imóvel. Ficou um negócio mais disciplinado. Mais seguro”, pontuou o aposentado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here