Tributos forçam subida de preços de itens natalinos

0

Houve aumento de tributação em relação ao ano de 2020″, adiantou o advogado especialista em direito tributário e professor da ITS Edu, Carlos Dias

Quem ainda for às compras no final de ano vai precisar desembolsar mais para preparar a ceia, comprar presente ou levar para casa as chamadas lembrancinhas. Os preços de itens natalinos estão mais altos. A incidência de tributos no preço final encareceu os queridinhos do período e está pesando mais no bolso do consumidor. “Houve aumento de tributação em relação ao ano de 2020”, adiantou o advogado especialista em direito tributário e professor da ITS Edu, Carlos Dias.

Só para se ter ideia, a carga tributária de uma árvore de Natal e enfeites passou de 24,58%, ano passado, para 39,23%, este ano. Outro exemplo é o celular – a variação saltou de 28,84%, em 2020, para 39,80%, nos dias atuais. Videogame e jogos – que são bem solicitados ao Papai Noel e estão na lista dos itens com maior carga tributária – também tiveram reflexos. Ano passado, a tributação contribuía com 67,41%. Agora, alcança72,18%. Os dados são do Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação (IBPT) e do “impostômetro”.

Já perfume importado (78,99%), maquiagem importada (69,53%) e relógio (56,14) são itens que apresentam maior reflexo dos tributos. No quesito alimentação, o peso da carga tributária no preço final do panetone é de 34,63%, enquanto que em relação ao peru, chester e pernil, chega a 29,32%.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here