UFPE: Projeto de extensão Asa Branca Aerospace, conquista segundo lugar geral na competição internacional CubeDesign Virtual 2020

0

Voltado ao desenvolvimento de pequenos satélites, o torneio é promovido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe)

projeto de extensão Asa Branca Aerospace, vinculado ao Departamento de Eletrônica e Sistemas do Centro de Tecnologia e Geociências (CTG) da UFPE/Campus Recife, fechou o ano de 2020 com uma grande conquista. O grupo ficou com o segundo lugar geral na competição internacional CubeDesign Virtual, cujo resultado foi divulgado, no último dia 21 de dezembro, via YouTube. Voltado ao desenvolvimento de pequenos satélites, o torneio é promovido pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) e reuniu, nesta edição, 20 equipes de universidades do Brasil, Chile, Venezuela, Peru, Panamá, Nicarágua, Colômbia e Paraguai.

“Esta conquista representa os esforços e a seriedade da equipe desde o início dos trabalhos. Ela consolida a posição da equipe no cenário aeroespacial brasileiro, alcançando o pódio já em sua primeira competição”, comemorou o coordenador do projeto, professor Hermano Cabral. Além do segundo lugar geral, o projeto Asa Branca Aerospace recebeu o Selo de Mission Accomplished (Missão Cumprida) e o de Excelência, tendo ficado em primeiro lugar no desafio do Sistema de Energia (EPS) e no desafio do Computador de Bordo (OBC) – este último empatado com quatro outras equipes. O projeto da UFPE obteve também o Selo de Engajamento por divulgar o setor aeroespacial nas redes sociais.

“Com o resultado obtido, os alunos se sentem mais confiantes no que sabem e aprendem diariamente na UFPE e praticam há anos no Asa Branca Aerospace, incentivando-os a buscar resultados ainda melhores nos próximos anos”, afirmou o professor Hermano Cabral.

A competição contou com cinco desafios, que representaram as diferentes etapas no desenvolvimento de um nanosatélite (CubeSAT). Cada desafio consistiu de uma semana para capacitação e outra semana para o desenvolvimento do projeto. A disputa foi realizada no ambiente Google Classroom, no período de 5 de outubro a 14 de dezembro do ano passado, e o resultado foi anunciado no dia 21 de dezembro.

O primeiro lugar geral ficou com a equipe Czar Space, da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). E o terceiro lugar geral ficou com a equipe Minerva CubeSats, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

A competição internacional CubeDesign é normalmente realizada de forma presencial, mas a edição de 2020 aconteceu via internet, devido à pandemia do novo coronavírus, ganhando o nome de CubeDesign Virtual. “Este tipo de evento estimula a interação e o aprendizado entre alunos e professores envolvidos nos desafios, mesmo que on-line, mantendo os alunos imersos em aplicações e simulações de assuntos vistos na Engenharia que são fundamentais para um(a) profissional da área”, ressaltou Hermano Cabral.

PROJETO – A equipe Asa Branca surgiu, em 2018, a partir do interesse em comum de um grupo de alunos de Engenharia Eletrônica (liderados pelo professor Hermano Cabral) e de Engenharia Mecânica (sob a liderança do professor Marcus Araújo) do Campus Recife da UFPE. O projeto de extensão vinculado ao Departamento de Eletrônica e Sistemas e participante do CubeDesign Virtual 2020 foi criado oficialmente no início de 2020, sendo coordenado por Hermano Cabral.

Os objetivos do projeto são capacitar profissionalmente os estudantes envolvidos e incentivar o seu crescimento pessoal por meio de atividades como elaboração de projetos, desenvolvimento, fabricação, testes e participação em competições de soluções para CubeSats e drones. A iniciativa busca também divulgar o conhecimento da área para escolas dos ensinos fundamental e médio e para o público em geral, além de incentivar o setor aeroespacial no Brasil, colocando o Nordeste como polo de desenvolvimento.

O grupo atualmente é formado por 44 alunos de graduação e pós-graduação, sendo 24 de Engenharia Eletrônica, quatro de Engenharia Mecânica, um de Engenharia de Energia, dois de Direito, dois de Publicidade e Propaganda, um de Jornalismo, um de Engenharia de Controle e Automação, quatro de Engenharia da Computação, um de Engenharia de Telecomunicações, um de Design Gráfico/Campus Caruaru, um de Licenciatura em Geografia, um de Licenciatura em Ciências Sociais e um de Rádio, TV e Internet.

Além do professor Hermano Cabral, participam do projeto os professores Daniel de Filgueiras Gomes e Gilson Jerônimo da Silva Jr., ambos do Departamento de Eletrônica e Sistemas, e outros docentes do Departamento de Engenharia Mecânica e da Faculdade de Direito do Recife (FDR)/Centro de Ciências Jurídicas (CCJ).

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here